sexta-feira, 9 de maio de 2008

Ato São Paulo pra debaixo da Ponte

São Paulo pra debaixo da ponte
 Neste sábado, 10 de maio, a cultura do individualismo e da segregação será homenageada em São Paulo.  O ato na inauguração da ponte jornalista Octavio Frias representa a insatisfação da população com o símbolo máximo da São Paulo higienista, especuladora, corrupta e voltada ao transporte individual.
 
O "Estilingão", que mais do que uma ponte é um monumento, custou mais de R$275 milhões.  A conta, paga por todos os que não estão lucrando com isso, inclui a expulsão dos moradores das várias favelas da região (Jd. Edith, Real Parque, Jd. Panorama, Jd. Colombo, Paraisópolis), do povo que realmente construiu todos esses mega-empreendimentos, mas que jamais foram nem serão convidados para nenhuma das inaugurações, e mesmo depois delas, não poderão neles pisar.
 
No dia 10 de maio, enquanto as elites endinheiradas comemorarão a criação de mais um monumento para a São Paulo que vai pra debaixo da ponte, nós, os que não foram convidados para a festa, com criatividade, música, e poesia, vamos denunciar seu verdadeiro significado.
 
              
Concentração: Av. Águas Espraiadas, na entrada do Jd.Edith
Horário: 10:00hs

0 comentários:

Postar um comentário

Gostou do Partido? Então cadastre-se para receber boletins virtuais por Email ou RSS. Não gostou? Entre em contato e sugira uma pauta. * Deixe aqui suas opiniões e comentários.

 

Acompanhar este Blog

Blog do PH Copyright © 2009 Blog desenvolvido por AgenciaDigital.Org